Podcast – 7º episódio do TBIO em Campo trata da qualidade do trigo nacional, da lavoura ao moinho

O sétimo episódio da série de podcast TBIO em Campo, produzido pela Biotrigo Genética, está disponível nas plataformas Spotify, Anchor e nas redes sociais da Biotrigo. Nele, está explicado porque atualmente é incorreto afirmar que o Brasil não produz trigos de qualidade.

“Não existe trigo ruim, existe trigo mal direcionado. Existe o mercado de biscoito, de massas, de panificação e existe o mercado daqueles trigos que vem para auxiliar nos processos de melhorar a cor das farinhas, que são os trigos chamados branqueadores. Então existem diversas especificações e os trigos podem atender cada uma delas se eles forem direcionados aos seus mercados”, diz a supervisora de qualidade industrial da Biotrigo.

O podcast mostra as causas da evolução em qualidade, especialmente na última década, assim como os resultados das análises das cultivares de trigo nacionais realizadas pela empresa francesa Eurogerm, especializada em tecnologia de panificação. Para quem não sabe, a França é a maior referência em panificação em todo mundo. Os resultados dos testes foram considerados surpreendentes, em especial TBIO Audaz, trigo brasileiro, que bateu o recorde histórico e superou a média de todas as variedades panificáveis francesas.

A qualidade dos trigos nacionais foi tema de um webinar realizado pela Biotrigo Genética no dia 8 de julho. O evento on-line contou com a participação do francês Sébastien Jollet, Doutor em Enzimologia e Diretor de Exportação para as Américas do Grupo Eurogerm; Maurício Sandri, Diretor Geral da Eurogerm Brasil;  André Cunha Rosa, diretor e melhorista da Biotrigo; Kênia Meneguzzi, supervisora de qualidade industrial da Biotrigo, e Fernando Michel Wagner, gerente comercial para a América Latina da Biotrigo Genética. O webinar contou com patrocínio da Acergs (Associação das Empresas Cerealistas do RS), Ampla (Performance industrial), Debroker Corretora de Mercadorias, Sinditrigo PR, Sinditrigo RS, Serra Grãos Corretora de Cereais e Sementes e apoio da Eurogerm, Fecoagro (Federação das Cooperativas Agropecuárias do Estado do Rio Grande do Sul) e Acesc (Associação das Empresas Cerealistas do Estado de Santa Catarina). Para assistir ao webinar, acesse bit.ly/webinar-qualitrigo.

Foto: Divulgação Biotrigo/Ron Lima