Agtech intermedia exportações de agricultores brasileiros para mais de 30 países

Vender a produção ou parte dela para o mercado internacional é o desejo de muitos produtores agricultores. E a tecnologia está dando sua contribuição ao processo de várias formas, Uma delas é a Karavel, uma agtech que se define como trading digital, ou seja, ela conecta agricultores brasileiros a compradores no Exterior. Para se conectar a compradores de mais de 30 países, os agricultores cadastram seus produtos FOB fazenda (a retirar na fazenda), a plataforma inclui todos os custos (frete rodoviário, custos portuários, documentação, frete marítimo e preparação da mercadoria) e transforma todos esses dados em uma oferta internacional, oferecendo-a aos compradores cadastrados. Como os valores são convertidos em tempo real, a negociação é facilitada e permite ao agricultor no Brasil fazer a ofertar do produto em reais. 

Em operação há nove meses, a plataforma já movimentou R$ 500 milhões e, entre os produtos mais exportados na plataforma estão feijão, caroço de algodão, milho e milho pipoca.

Alvaro Nunes, CEO da Karavel, explica que o processo de venda também inclui a negociação, uma vez que o agricultor “diz o preço que considera justo e o comprador verá o preço na moeda correspondente ao seu país já com todos os custos de exportação inclusos. Desse modo, nem o vendedor nem o comprador devem se preocupar em como será o transporte ou com pagamento. Nosso sistema irá identificar o melhor modal e assim que vendedor e comprador fecharem negócio, o pagamento ao agricultor será feito sobre-rodas (à vista). Além disso, como em qualquer negociação, o comprador pode fazer uma contra oferta e cabe ao agricultor decidir se aceita ou não o novo preço proposto”.

O processo vai além: “A partir do fechamento do negócio, o vendedor ou comprador não precisam se preocupar com mais nada. Nós cuidamos de todo o processo. Nosso sistema de inteligência foi desenvolvido 100% pela nossa equipe e foi formatado para identificar as melhores oportunidades para nossos clientes e estamos muito satisfeitos com o crescimento orgânico do nosso serviço”, conclui Nunes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here